A pesca submarina é muitas vezes chamada de caça submarina, pois o pescador se comporta como um verdadeiro caçador, perseguindo sua presa, em vez de esperar que ela venha até sua armadilha. Ao contrário de outros, este é um esporte onde as condições do terreno mudam continuamente e onde o planejamento é muito difícil; assim, o caçador submarino deve estar bem preparado. Confira em seguida os principais equipamentos a utilizar em pesca ou caça submarina.

  • Fato em neoprene. As mudanças de temperatura podem ser bem rápidas debaixo de água; além disso, o fato ajuda a proteger de pequenos arranhões e outros incômodos.
  • Faca. É utilizada como ferramenta; se você precisar dela como arma, é porque a situação é grave! Pode salvar a vida do pescador se ele for vítima de ‘pesca fantasma’, isto é, se ficar preso em uma corda ou uma rede abandonada no fundo do mar. Muitos animais são vítimas inúteis dessa situação; com uma simples faca, você corta a rede e evita esse destino.
  • Lastro. Usado em um cinto, compensa o fato de a roupa puxar o caçador para cima. Lembre-se que o peso extra poderá depois ser perigoso no regresso à superfície.
  • Boia. Trata-se de um elemento de visibilidade para barcos que passem na superfície, para que dessa forma consigam detetar a presença do mergulhador. O medo de o cabo da boia prender na hélice e criar danos é um incentivo extra a que qualquer embarcação se afaste da zona.
  • Arma. Existem dois grandes tipos de armas utilizadas em pesca submarina: o arbalete e a arma de ar comprimido. O arbalete é a clássica arma que dispara o arpão, e que é habitualmente mais utilizada pelos principiantes; dependendo do modelo, pode ser da preferência também dos mais experientes. A arma de ar comprimido é, habitualmente, usada em situações que exijam mais potência de disparo.